320big1

A Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) vai realizar no dia 24 de Março, no Auditório 3, da Fundação Calouste Gulbenkian, a Conferência intitulada “A Televisão e as Crianças”.

Este encontro terá a participação de directores de programas e de informação dos canais generalistas de televisão, especialistas em estudos de televisão para crianças e jovens, juristas, professores, alunos, pais.

Para consultar o programa carregue aqui.

FONTE: ERC

Estreia na próxima quinta-feira a seguir ao Jornal da Noite o programa “Aqui e agora”. Embora mantenha o nome e continue a ser conduzido pelo jornalista Rodrigo Guedes de Carvalho, o programa é distinto da versão anterior.

A primeira emissão é subordinada ao tema “A televisão e a política”. Pretende-se debater as candidaturas mediáticas que têm surgido para as próximas eleições autárquicas e “o que é preciso ser neste país para se ter uma carreira mediática”. Dos quatro convidados estão confirmadas as presenças de Francisco Moita Flores, presidente da Câmara de Santarém, o jornalista Hernâni Carvalho, candidato à Câmara de Odivelas, dois casos em que primeiro veio o reconhecimento mediático e só depois a actividade política, e Joana Amaral Dias, que ganhou notoriedade com a chegada ao Bloco de Esquerda.

Além dos membros da assistência, a opinião do público de casa também será tida em conta, mas com a mediação de jornalistas. Aproveitando as funcionalidades da multiplataforma SIC, os espectadores serão convidados a pronunciar-se.

Durante cada edição, também podem ser enviados e-mails para o debate. A equipa do “Aqui e agora” seleccionará alguns que serão encaminhados para o jornalista, que por sua vez decidirá quantos e quais irá aproveitar para o programa para, por exemplo, “interpelar os intervenientes.

FONTE: Jornal de Notícias

Estreia hoje à noite o debate “Serviço de Urgência”, dedicado a temas de saúde.

Maria Elisa regressa assim ao directo televisivo, na RTP1, a partir das 22.55 horas.

O novo programa promete trazer à antena pacientes, médicos especialistas e outros envolvidos em terapias das principais doenças que afectam os portugueses. A sua exibição é semanal.

FONTE: Jornal de Notícias

A RTP2 estreia amanhã, pelas 23.28 horas, um novo programa de entrevistas intitulado de “Bairro Alto”. Conduzido por José Fialho Gouveia, é anunciado com um espaço de tertúlia e boémia dedicado essencialmente à cultura contemporânea.

A primeira entrevistada é a realizadora Raquel Freire.

“Bairro Alto” propõe-se promover a conversa com figuras que têm algo a dizer sobre si e o que fazem. José Fialho Gouveia entrevista artistas, ensaístas, cientistas, gente da moda, ou seja, protagonista da actualidade. Pretende-se que tenha um tom próximo e informal.

FONTE: Jornal de Notícias

O programa Clube de Jornalistas da RTP2, tem como tema esta semana “A crise da imprensa em Portugal”.

Os convidados são: Alfredo Maia, presidente do Sindicato dos Jornalistas, Pedro Morais Leitão, presidente da Confederação Portuguesa de Meios de Comunicação Social, e Luís Oliveira Martins, professor da Faculdade de Ciências Sociais e Humana da Universidade Nova de Lisboa, especialista em economia dos media. Haverá também um depoimento de Alberto Arons de Carvalho, deputado do PS e antigo secretário de Estado da Comunicação Social. A moderação fica a cargo de Dina Soares.

A não perder, amanhã na RTP2 às 23:30.

FONTE: Clube de Jornalistas

A nova RTP Memória

Janeiro 26, 2009

A RTP Memória apresenta hoje a sua nova identidade, bem como um “novo conceito de canal” e novas caras.

Criada internamente, a nova identidade, descreve Hugo Andrade, director do RTP Memória, surge nesta nova fase com uma “imagem refrescante”, “muito simples, propositadamente simples, fácil de perceber e moderna”. “Sendo um canal de arquivo era necessário termos algo [em termos de imagem] moderno, com cor e luz”, justifica o responsável. Elvis Veiguinha, da Digital Mix, produziu a identidade sonora do canal.
A mudança, que ocorre no quinto ano de existência do canal, passa ainda pela renovação da grelha e do conceito do canal, frisa Hugo Andrade, propondo “um novo olhar sobre o arquivo”. Nas intenções do responsável está a exploração do “valioso espólio” da RTP para a produção de novos conteúdos, mas passando por novos ângulos de abordagem de conteúdos como, por exemplo, os jogos de futebol. Hugo Andrade afirma que os mesmos continuarão a fazer parte da nova grelha de programas, mas que serão trabalhados, dando visibilidade aos protagonistas dos jogos. Noites temáticas (de teatro, cinema ou outras) são outros dos planos, centrando-se na noite os novos programas que irão surgir em grellha. Já esta semana arranca um espaço diário de talk-show, estando previsto, numa fase posterior a entrada em grelha de programas de produção própria.

O objectivo é conquistar um público mais jovem no horário da noite (entre os 40 a 50 anos) “para quem as memórias são mais recentes”. “Subir” as audiências é um objectivo, admite o director do canal, ainda que não avance números concretos, frisando que “a grelha precisa de tempo para se impor”.

FONTE: Meios & Publicidade

O Clube de Jornalistas, desta semana terá como tema ” Qual a função dos comentadores nos media”. Para o debater, estarão em estúdio, José-Manuel Nobre-Correia, professor na Université Libre de Bruxelles, Marcelo Rebelo de Sousa, comentador da RTP1, e Vicente Jorge Silva, jornalista e a Moderação de João Alferes Gonçalves.

Não perca, amanhã às às 23 e 30h na RTP2.

FONTE: Clube de Jornalistas